Quinta-feira
15 de Novembro de 2018 - 
Toda questão possui dois lados, eu ficarei do seu!
“Cometer injustiça é pior do que sofrê-la” (Platão)
“Interpretar a lei é revelar o pensamento, que anima as suas palavras” (Clóvis B ...
“As leis são sempre úteis aos que possuem e nocivas aos que nada têm” (Jean-Jac ...
“O fim do Direito não é abolir nem restringir, mas preservar e ampliar a liberda ...
"As leis abundam nos Estados mais corruptos" (Tácito)
“A mais bela função da humanidade é a de administrar a justiça” (Voltaire)
"Avocatus non ladrum" (Santo Ivo)
“A injustiça em qualquer lugar é uma ameaça à justiça por toda parte” (Martin Lu ...

Controle de Processos

Utilize seu login e senha.

Informativos E-mail

Cadastre seu e-mail aqui.

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
36ºC
Min
21ºC
Pancadas de Chuva a

Sexta-feira - Rio de Janeiro, RJ

Máx
28ºC
Min
20ºC
Chuva

Sábado - Rio de Janeiro, RJ

Máx
31ºC
Min
21ºC
Poss. de Panc. de Ch

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,79 3,79
EURO 4,30 4,30

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .

Últimas notícias

II Congresso Internacional da ESA/RS debateu sobre Direito Penal, Família e Previdenciário

Na manhã desta sexta-feira (14), iniciou o segundo dia de discussões e reflexões no II Congresso Internacional da ESA/RS: Os 30 anos da Constituição Federal e os Novos Desafios da Advocacia. Durante toda a manhã e o início da tarde, advogados (as), estudantes de Direito e interessados no assunto puderam acompanhar painéis referentes ao Direito Penal, Direito de Família e aos Desafios da Advocacia na Área Previdenciária, no auditório do OAB Cubo. O primeiro palestrante foi o ex-vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Gilson Langaro Dipp, o qual palestrou no painel “O Novo Processo Penal e Sancionatório Brasileiro e sua Aplicação a Institutos Provenientes de Legislação Estrangeira - Delação Premiada e Acordo de Leniência”. Dipp, ressaltou que “ vários amigos meus vêm reproduzindo frases como: não se entende mais o que seja o Direito Penal e a garantia dos Direitos inpiduais. O devido processo legal e a ampla defesa estão mitigadas por acontecimentos externos, por falta de reação ou por uma reação não muito inteligente também dos advogados, e com uma aplicação da lei desde o STF, e dando exemplo para instâncias inferiores da aplicação da constituição e da lei completamente persas do que está escrito no texto e nos limites que esse texto pode ser interpretado”.Na sequência, o conselheiro federal da OAB/RS e ex-diretor-geral da ESA/RS, Alexandre Wunderlich, falou sobre “Acordos com Repercussão Penal: Colaboração Premiada e Leniência”. No final desse painel, a advogada Thaís Bandeira Oliveira Passos abordou sobre “A Espetacularização do Processo Penal”. Segundo ela, a mídia tem muito poder em influenciar o Direito Penal. Ela deu exemplos do dia a dia, como a lei Carolina Dickmann, novelas que abordaram a violência contra o idoso e contra a mulher, e programas sensacionalistas, que espetacularizam as investigações criminais, sobretudo as investigações da Lava Jato. No meio da manhã, ocorreu o XXV Encontro Nacional da Escola Nacional de Advocacia e Escolas Superiores de Advocacia. Na oportunidade, dirigentes de Escolas Superiores de Advocacia das 27 seccionais da OAB, puderam discutir sobre projetos e novos rumos das ESAs.O segundo painel, iniciou com “Os Desafios da Advocacia Familiarista na Crise do Direito de Família Codificado” com o advogado Dimitre Soares. Por fim, o terceiro painel foi sobre “A Atuação do Advogado no Processo Administrativo diante do INSS Digital”, o qual foi abordado pela advogada Jane Berwanger. Logo em seguida, o advogado Daniel Machado dissertou sobre “O Processo Judicial Previdenciário: Necessário Equilíbrio entre a Celeridade e a Qualidade”. Finalizando os painéis da manhã, a diretora da ESA/PI, Naiara de Moraes e Silva falou sobre os “Desafios da Advocacia na Área Previdenciária”. O II Congresso Internacional da ESA/RS terá continuidade na tarde desta sexta-feira, com persos painéis, e, ao final do evento, haverá duas Conferências especiais de encerramento, com a presença do presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia, com o tema “Os desafios da advocacia nos 30 anos da” Constituição Federal” e do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Nelson Jobim, com o tema “O controle da constitucionalidade”.
14/09/2018 (00:00)
Visitas no site:  153056
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.